Proteção e Governança de Dados Pessoais

4 de Jul

Carga horária: 3h - Das 19h às 22h

Instrutor: Gustavo Artese

Local: São Paulo

Investimento


R$ 360

PROGRAMAÇÃO

Com o advento de tecnologias altamente eficientes na coleta e processamento de dados pessoais, em especial o Big Data, as organizações se sentiram, em certa medida, impelidas a coletar dados (“data is the new oil”). Em várias áreas e atividades – publicidade, saúde, finanças, varejo, afins… – a coleta de dados, pessoais ou não, se tornou prioritária mesmo que ainda não soubesse ao certo o que fazer com eles. Como é comum em práticas associadas à evolução da tecnologia, as decisões não se baseavam tanto em obrigação, mas em capacidade instalada e no acirramento da concorrência (coleto dados porque posso, e porque todos estão coletando). Sem contar que as possibilidades em termos de novos negócios e ganhos se mostravam inebriantes.

A Era da Coleta passou. Inaugura-se a Era da Governança de Dados.

Para extrair o máximo de valor de dados pessoais, as empresas deverão fazê-lo com consciência. São vários os motivos, mas, no contexto atual, destacam-se três:

  1. A ressaca gerada pelo caso Facebook – Cambridge Analytica;
  2. Uma Lei Geral de Proteção de Dados no Brasil;
  3. O GDPR (regulamento europeu) e suas consequências no Brasil.

Venha entender com Gustavo Artese, um dos maiores especialistas do assunto no Brasil, como você e sua organização devem se conduzir a respeito desse tema.

INSTRUTOR

Gustavo Artese

Graduado pela Faculdade de Direito da UERJ, com título de Master of Laws (L.L.M.) pela Universidade de Chicago, atua como Professor de Direito e Tecnologia da Escola Politécnica da USP. No campo da privacidade de dados, é membro ativo da Information Accountability Foundation - IAF no Brasil, Chair da Knowledge-Net da International Association for Privacy Professionals (IAPP) e Secretário Geral da Associação Brasileira de Direito da Tecnologia da Informação e das Comunicações - ABDTIC.

AGENDA